Páginas

domingo, 7 de abril de 2013

O Amor





O AMOR 






Se o Amor é perfeito não sei;
consulte o seu coração...
Só digo que sua lei
é buscar a perfeição.

Para não ter, pois, ilusões no Amor,
procure aprender
as duas conjugações
dos verbos: Amar e Sofrer.

No Amor existe o prazer
como flor que dele vem,
mas se é preciso sofrer,
sorrindo sofre também.

O Amor nem sempre diz "Sim";
as vezes diz "Não" o Amor...
É que no mesmo jardim, 
pode haver espinhos e flor.

Amo-te quanto em largo, alto
 e profundo minh'alma alcança
quando, transportada, sente, 
alongando os olhos deste mundo,
os fins do ser a graça entressonhada.

Amo-te em cada dia, hora e
segundo: A luz do sol, na noite sossegada.
E é tão pura a paixão de 
que me inunda quanto o pudor
dos que não podem nada.

Amo-te até nas coisas mais
pequenas. Por Toda a vida! É assim
Deus o quisesse, ainda mais
amarei depois na morte.





Quem souber o autor, pode deixar um recadinho
Beijinhos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar, logo responderei seu comentário aqui mesmo.